quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Os Pentas: Dezembro de 2017

Oito vitórias consecutivas em jogos oficiais. Uma sequência que o FC Porto não alcançava desde a época 2010-11, mas que tem sido justificada com uma série de boas exibições, não só a nível coletivo como individual. Esta série de triunfos teve início precisamente em dezembro, o mês que agora avaliamos em retrospetiva, com os cinco jogadores que mais se destacaram ao longo das seis vitórias consecutivas nesse mês, com a importante marca de 22 golos marcados. Foi provavelmente o mês em que mais candidatos houve ao top 5 - assinale-se, desde logo, a injustiça de jogadores como Ricardo ou Alex Telles não figurarem na lista - , mas estas são as escolhas d'O Tribunal do Dragão.

5. Moussa Marega

No que toca a competições internas, Marega continua a ser garantia de um golo por jogo, seja com um remate certeiro ou uma assistência. No último mês, conseguiu cinco golos e um passe decisivo, tendo sido particularmente importante com o bis apontado diante do Marítimo (3x1), que valeu a permanência no primeiro lugar. O maliano continua a falhar muito mais do que acerta, mas continua a acertar o número suficiente de vezes para justificar a continuidade no 11. E a equipa tem ajudado, e muito, Marega a evidenciar as suas potencialidades físicas e a esconder as suas limitações técnicas, fazendo do maliano o 2º jogador que mais vezes recebe a bola na grande área para rematar na Liga.

4. Héctor Herrera

Denominador comum: a melhor fase do FC Porto desta época foi aquela em que Herrera esteve em melhor forma. Um patinho feio habilita-se sempre a que digam: «Herrera está bem porque o FC Porto está bem». Mas o mexicano reafirmou-se mesmo como essencial. Bem na ocupação do espaço, tem sido sempre o elemento com mais ações com bola (média 83/jogo), apoia bem os flancos, farta-se de correr e pressionar e é o 3º principal criador de oportunidades de golo no plantel, apenas atrás de Alex Telles e Brahimi. 

3. Danilo Pereira

Faz a diferença na retaguarda, mas já todos conhecem a sua utilidade na grande área adversária, tendo conseguido um golo e duas assistências em dezembro. Personifica tudo o que os adeptos querem ver num jogador: qualidade, inteligência, capacidade de revolta sem perder a compostura. Considerado o melhor em campo nos jogos contra Benfica e Vit. Guimarães, é o médio com maior percentagem de tackles e bolas aéreas ganhas na Liga e tornou-se o melhor passador do FC Porto na prova, com 88,2% de eficácia de passe, à frente de Herrera. Não só conseguiu adaptar-se ao 4x4x2 de Conceição  - esquema difícil para ele no arranque da época - como se tornou essencial no funcionamento dessa fórmula. 

2. Yacine Brahimi

Curiosamente, não foi eleito o MVP pelos leitores d'O Tribunal do Dragão em nenhum dos jogos disputados em dezembro (algo que influencia Os Pentas), mas ninguém duvidará da sua influência na equipa. Autor de quatro assistências e dois golos no último mês, continua a exibir-se numa dimensão à parte na I Liga, onde já leva 88 dribles eficazes, mais do dobro do segundo melhor driblador do Campeonato. Brahimi desequilibra, cria 2 situações de finalização por jogo, é quem mais bolas recupera no meio-campo adversário e não tem havido jogo em que o brilho de Brahimi se faça sentir. É o génio do plantel e, provavelmente, o mais virtuoso e talentoso jogador do Campeonato. 

1. Vincent Aboubakar

Dez golos: foi esta a modesta contribuição de Vincent Aboubakar no último mês, colaboração que faz dele o melhor jogador de dezembro. Além de ter apontado oito golos, ainda somou duas assistências (sem contar com as faltas que sofreu para grandes penalidades) e demonstra melhorias claras na hora de atirar à baliza - era o jogador com mais ocasiões flagrantes de golo falhadas na Liga, mas em dezembro aproveitou todas as de que dispôs. Aboubakar tem intervenção direta num golo a cada 70 minutos e já ultrapassou, em larga escala, o rendimento de André Silva, o melhor avançado da última época.



O Top 5 mais votado dos leitores d'O Tribunal do Dragão para Dezembro/2017:
1. Yacine Brahimi
2. Danilo Pereira
3. Héctor Herrera
4. Vincent Aboubakar
5. Alex Telles

0 comentários:

Enviar um comentário

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.